19ª Legislatura 2019 - 2022

Notícia

Deputados prestam homenagem à Juliane Moraes, Rainha das Rainhas da Asalp 2020

18/02/2020 15h58 - Atualizada em 18/02/2020 10h46
Por Mara Barcellos - AID - Comunicação Social

A jovem Juliane Santos Moraes, eleita a Rainha das Rainhas 2020, título que conquistou representando a Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Asalp), no último dia 15, foi recebida pelos deputados durante Sessão Ordinária nesta terça-feira (18.02), que foi suspensa por 10 minutos para prestar homenagens à vencedora do concurso. 

Durante a visita, a Procuradoria Especial da Mulher prestou homenagens à  Juliane com votos de congratulações e reconhecimento pela conquista do título inédito no Rainha das Rainhas no Carnaval Paraense para o Clube dos Servidores da Alepa. Em 20 anos participando do concurso, esta é a primeira vez que a Asalp consegue o título principal de Rainha. A outra conquista foi há cerca de 10 anos, quando obteve a colocação com a quarta princesa.   

“Estou muito feliz porque a direção da Asalp me recebeu de braços abertos, enquanto outros clubes me deram as costas. Então receber esse carinho é muito gratificante”, destacou Juliane, enfatizando que está preparada para aproveitar intensamente o reinado.     

Além do carinho que está recebendo de muitas pessoas, Juliane também falou sobre o preconceito que vem sofrendo desde que venceu o tradicional concurso por ser uma mulher negra.

“São coisas que a gente não pode evitar, a gente não consegue agradar a todos e as críticas sempre vão ocorrer. Meu desejo é que as pessoas respeitem, pois as negras periféricas também podem ser rainhas, então respeitem as negras e as baixinhas”, observou.        

A deputada professora Nilse Pinheiro, titular da Procuradoria da Mulher no Parlamento Paraense, destacou a importância do concurso para enaltecer a beleza e a determinação da mulher.  

“Parabenizo a Juliane por representar o Poder Legislativo e vencer o concurso.  A vitória de Juliane  coloca em evidência a beleza, garra e força de todas as mulheres paraenses, pois ela representa a riqueza da mistura da miscigenação” o que nos torna únicas e vencedoras”, evidenciou.

O deputado Dirceu Ten Caten parabenizou a conquista e ressaltou o conceito que a candidata trouxe para reflexão.  

“Parabenizo a conquista para a Asalp e também à candidata, porque ela trouxe à tona um assunto muito importante que é a questão afro, uma temática pedagógica, e acredito que os jurados levaram isso em consideração na hora de escolher a vencedora”, disse.   

Para o deputado Igor Normando, a vitória de Juliane trouxe à tona o debate sobre a questão da igualdade de direitos.   

“É uma alegria enorme para nós deputados termos aqui uma rainha, que para muitos pode parecer apenas uma festa de carnaval, mas para muitos é o sonho de muitas garotas, e todas têm o direito de participar. Não importa aqui se é negra, se é branca, rica ou pobre, o que a gente precisa entender é a questão da equidade”, concluiu.           

Para o primeiro vice-presidente da Asalp, Pedro Paz, o título é uma grande surpresa para o clube. "Com esse título, a Asalp passa a ter mais presença no quadro social, assim como outros clubes mais tradicionais da cidade.  Não é fácil vencer diante de outros grandes clubes e com mais recursos. Esse título está sendo recompensador e de muito orgulho para nós da Asalp”, disse.

 

 

Palácio Cabanagem - Rua do Aveiro,130 - Praça Dom Pedro II, Bairro Cidade Velha - 66020-070
(91) 3213-4200
AID - Assessoria de Imprensa e Divulgação - Email: imprensa@alepa.pa.gov.br | Sistemas
Ouvidoria: ouvidoria.alepa.pa.gov.br

Todos os Direitos reservados | 2019