Dep Bordalo

Deputado Estadual - PT

Notícia

Restauro do altar mor da igreja histórica de Barcarena é pauta de reunião entre Bordalo e Hydro

13/01/2021 21h40 - Atualizada em 13/01/2021 22h13
Por Lilian Campelo - Assessoria Dep Carlos Bordalo
A igreja de São João Batista é a construção mais antiga do município e a segunda mais antiga do Estado do Pará

Reunião foi na sede da empresa Em reunião promovida pelo Deputado Bordalo para tratar sobre o restauro do retábulo mor da Igreja histórica de São João Batista da Vila do Conde, em Barcarena, o vice-presidente executivo de bauxita e alumina da Hydro, John Thuestad, se comprometeu em analisar viabilidade de apoio. A conversa ocorreu na sede da empresa na tarde desta quarta-feira (13). O vice-presidente disse ainda que na próxima visita ao Pará gostaria de visitar a igreja.

O retábulo de madeira encontra-se em deterioração devido às intempéries do tempo. Em 2019, lideranças locais de Vila do Conde e representantes da Diocese de Abaetetuba procuraram o deputado Bordalo para solicitar apoio à recuperação da estrutura ornamental. Para o parlamentar, a reunião com a Hydro marca um momento simbólico que coloca dois atores importantes do Estado para dialogar uma pauta importante para o município de Barcarena.

"Há um tempo atrás alguns diriam que essa reunião seria impossível, mas como a humanidade se desenvolve sempre a partir do seu aprendizado coletivo, avalio que os dois lados entendem que existe uma agenda comum a ser desenvolvida", afirmou o deputado.

Leia maisAltar barroco da igreja São João Batista de Barcarena corre o risco de desabar

No centro John Thuestad, o vice-presidente executivo O parlamentar ainda destacou que o Pará possui um déficit no que tange ao cuidado e preservação de patrimônios históricos. "Muita gente desconhece a história de Belém, que fez 405 anos. A igreja de São João Batista tem cerca de 330 anos, ela está situada, historicamente, nos primórdios da colonização e ocupação da região", exemplifica. Ainda segundo o deputado está sendo agendado uma audiência com o Governador Helder Barbalho para tratar sobre o restauro.

O padre Milton Souza, pároco na Vila do Conde, informa que o retábulo de madeira tem cerca de 6 metros de comprimento e estima-se que tenha sido feito pelos indígenas na época colonial. Em outros anos diversas tentativas foram feitas para a recuperação e restauro do ornamento. Atualmente, segundo o Padre, a igreja está em processo de tombamento junto ao IPHAN-Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, através da Secretaria de Cultura do Estado e tem recebido apoio da Universidade Federal do Pará (UFPA) e Governo Estadual, intermediado pelo deputado Bordalo.

Transformação social

Vila do Conde concentra problemas sociais como prostituição infantil, alcoolismo e consumo de drogas, realidade relatada pelo Padre Milton durante a reunião e para ele a restauração possibilitará mudanças na vida dos moradores, a começar pela valorização da propria auto estima enquanto identidade local.

Padre Milton Souza"Nós vimos que este prédio, por estar no centro da Vila, pode se tornar um meio de mudança social através do turismo e da educação. A própria restauradora quer que os jovens da Vila participem do restauro", explica.

Verena Arruda, diretora de Cidadania e Direitos Humanos da Sejudh, faz parte da equipe técnica do TerPaz - Programa do Governo do Estado que visa diminuir a vulnerabilidade social e o enfrentamento das dinâmicas da violência por meio de ações integradas de segurança pública e de cidadania - destacou que "o direcionamento da cultura e outras políticas sociais reforçam a prevenção e a promoção do direitos humanos, então reforçando a fala do Padre, é importante que isso diminua a incidência de violações de direitos humanos".

Durante a conversa se verificou que o restauro promoverá o impulsionamento de setores econômicos em torno do patrimônio histórico. "O projeto aqui é de revalorização da auto estima, de promoção à visitação de pesquisadores, estudantes, moradores e turistas, que precisarão de estabelecimentos comerciais. A Igreja poderá servir de espaço para a educação patrimonial permanente, não é só uma obra física", pontuou o deputado Bordalo.

A Igreja de São João Batista foi erguida no ano de 1720 (período colonial), é a construção mais antiga do município e, provavelmente, a segunda mais antiga do Estado estando atrás apenas da igreja do Senhor dos Passos, em Vigia. A igreja possui ainda um altar em estilo Joanino, aparentemente do século XVII, que segundo o parecer técnico do IPHAN é dos únicos do Pará e um dos poucos do Brasil. A Igreja enquadra-se no estilo arquitetônico neoclássico, o mesmo da igreja de Santo Alexandre, em Belém.

A reunião ainda contou com a presença de Anderson Baranov, vice-presidente de relações governamentais da Hydro, Domingos Campos, diretor de sustentabilidade da empresa e Carlos Neves, diretor de operações de bauxita e alumina. 

* Os textos produzidos pelas assessorias de cada parlamentar são de responsabilidade de seus autores.

Entre em contato


Gabinete

...

Endereço:

Praça Dom Pedro II, 2 - Cidade Velha, Belém - PA, 66020-240


Telefone: (91) 3213-4298/4368

Endereço:

Palácio Cabanagem - Rua do Aveiro,130 - Praça Dom Pedro II, Bairro Cidade Velha

CEP: 66020-070 Telefone: (91) 3213-4200

AID — Assessoria de Imprensa e Divulgação

Todos os Direitos reservados | 2019