Dep Igor Normando

Deputado Estadual - PODE

Notícia

Igor Normando adota copos ecológicos para diminuir o uso de plástico em seu gabinete

12/04/2022 16h10 - Atualizada em 12/04/2022 16h11
Por Ariela Motizuki - Assessoria Dep Igor Normando
Medida sustentável é aderida pelo mandato e pretende diminuir gastos públicos com compra de descartáveis

Ampliar imagem

 A partir desta terça-feira, o mandato do deputado estadual Igor Normando começa a abolir o uso de materiais plásticos em seu gabinete da Assembleia Legislativa e adota o uso de copos sustentáveis, visando o menor impacto ambiental, pauta defendida pelo deputado. Além de ser uma ferramenta de impacto ambiental, o eco copo ajuda a economizar dinheiro público gasto na compra de objetos não reutilizáveis.

Semanalmente o gabinete do deputado atende cerca de 100 pessoas, com a iniciativa em até um ano cerca 180.000 copos descartáveis deixarão de ser descartados na natureza, mais de 1.400kg de lixo não serão despejados e mais de 12.000kg de carbono deixarão de ser emitidos no ar, trazendo benefícios para a saúde da população e gerando um impacto ambiental positivo

O deputado, que já havia criado o projeto 365 mudas, que doa e ajuda a plantar mudas de árvores por toda a cidade com o apoio de voluntários, vê o meio ambiente e a sustentabilidade como pauta fundamental no legislativo, ainda que pouco debatida. "Sempre acreditei que o mandato além de um agente fiscalizador e legislador tem também a responsabilidade social de conscientizar e dar exemplos para a sociedade, a iniciativa é uma forma de colocar em prática algo que acreditamos".

* Os textos produzidos pelas assessorias de cada parlamentar são de responsabilidade de seus autores.

Entre em contato


Gabinete

...

Endereço:

Palácio Cabanagem (Térreo) - Rua do Aveiro nº 130, Praça Dom Pedro II


Telefone: (91) 3213-4316

Endereço:

Palácio Cabanagem - Rua do Aveiro,130 - Praça Dom Pedro II, Bairro Cidade Velha

CEP: 66020-070 Telefone: (91) 3213-4200

AID — Assessoria de Imprensa e Divulgação

Todos os Direitos reservados | 2019