• Item
    ...
Alto Contraste

Notícia

12/12/2023 | 16h22 - Atualizada em 12/12/2023 | 16h38

Belém é oficialmente declarada pela ONU em DUBAI como sede da Conferência do Clima, a COP30

Reportagem: Carlos Boução

Edição: Natália Mello

Deputada Maria subiu à tribuna e falou sobre a confirmação de Belém como cidade-sede da COP 30.A vice-líder do governador Helder Barbalho, deputada Maria do Carmo, subiu à tribuna nesta terça-feira (12) e destacou a confirmação de Belém como cidade-sede da COP 30. A parlamentar repercutiu sua presença na comitiva de deputados estaduais, paraense e brasileira, que participou da Conferência de Mudança do Clima, a COP 28, evento ocorrido de 30 de novembro até hoje, em Dubai nos Emirados Árabes Unidos. Maria anunciou, ainda, a retomada das suas atividades parlamentares presencialmente.

Em seu pronunciamento, Maria informou que a COP do Brasil está sendo conhecida como a da Floresta e que foi muito comentada durante todo o evento em Dubai, até mais do que a COP29. "Quando do anúncio oficial, Belém foi muito festejada pelos representantes de países e de diversas pessoas membros da Comissões temáticas constituídas durante o evento", disse.

Em seu pronunciamento, ela informou também que o governador Helder Barbalho e o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, foram muito procurados pelos chefes de Estados e representantes de entidades. "Queriam ouvir sobre os preparativos do encontro e ainda do que estava precisando para a realização do evento no Brasil em 2025". Por outro, informou que os sete governadores da região amazônica tiveram encontros, com diálogos bilaterais sobre os legados que deverão ser deixados pelo evento internacional na capital e estado.

Na sua compreensão, a deputada considera que tanto o governador quanto o prefeito Edmilson querem que o legado da COP 30 não se restrinja a melhoria da infraestrutura de Belém. Para ela, antes do início desta COP, eles devem apresentar um conjunto de respostas aos desafios que o mundo espera encontrar por aqui. 

"O governador do Estado participou de mesas importantes para avisar do que está sendo feito, apresentou vários planos importantes de recuperação ambiental, respostas e planos que foram amplamente discutidos ao longo deste ano com vários segmentos da sociedade paraense e da sociedade amazônica", relatou. "O Estado quer fazer a transição energética na Amazônia e no Brasil, quer ter legado com medidas concretas para apresentar". Maria referiu-se aos projetos de energia limpa, de melhoria do agronegócio, com respostas financeiras, não só para os grandes agricultores, mas para todas as pessoas que queiram transformar a agricultura familiar.

A parlamentar informou ainda que Belém daqui a pouco se transformará em um canteiro de obras e fez um pedido para se ajude o prefeito de Belém e o governador do Pará para que possam fazer as licitações necessárias para o início das obras de forma imediata.